Libertando O Sagrado Feminino O Mundo Se Torna Livre

Opa, Sagrado Feminino, o que vem a ser, afinal? É a verdadeira essência do feminino, muito além do seu estereótipo fabricado pela sociedade patriarcal e machista. Todos nós, homens e mulheres, somos femininos e masculinos na nossa psique. Porém, o Sagrado Feminino é muito mais ancestral, é ancestralidade de alma. A mulher, no conceito do Sagrado Feminino, ocupa um papel de destaque – sagrado e profano – na sociedade humana. Somente ela tem o dom de gerar e dar à luz a um novo ser. Isso é divino. Mas ela também tem o dom de iniciar o homem nos mistérios do sexo, muito além da sua mente ansiosa e imediatista. O homem comum, no momento do sexo, está ansioso pela penetração e, logo a seguir, pela ejaculação.

Libertando o sagrado feminino o mundo se torna livre

Mas o homem, que desce da sua arrogância machista e se deixa iniciar pela mulher, aprende as verdadeiras delícias do sexo. Assim, a meta fica em segundo plano, o que ele quer curtir mesmo, é a viagem. Não há melhor tratamento para ejaculação precoce do que deixar-se contaminar pelo Sagrado Feminino. As carícias, os toques, mãos que tocam e agarram com sutileza, amor, afeto, e também com pegada selvagem. O equilíbrio entre a força e a sutileza, entre o masculino e o feminino, deslizando pelos corpos que expressam o seu tesão, a sua vitalidade; estado de alerta, consciência da respiração e de todas as sensações e sentimentos possíveis. Isto é Sagrado Feminino.

Libertando o sagrado feminino o mundo se torna livre

O Feminino estereotipado oscila entre o papel da mulher submissa aos desejos e vontades do macho e o papel da mulher que se tornou masculinizada só para conquistar os mesmos direitos civis do homem. Ambos os papéis são fortalecedores do machismo. Vamos refletir juntos sobre a sexualidade feminina. E também masculina, porque uma não existe sem a outra. A sociedade tem uma visão muito deturpada sobre amor e sexo. Usando dogmas morais e religiosos obrigaram as pessoas a serem propriedade umas das outras nos relacionamentos. Vejamos o modelo convencional de relacionamento: duas pessoas se apaixonam (heterossexuais), se casam perante a justiça e a igreja, e juram fidelidade para sempre. Ora, isso já constitui uma violência contra os hormônios sexuais, contra a biologia, contra a inteligência do instinto e, por conseguinte, contra o Feminino Sagrado Ancestral e Selvagem.

Libertando o sagrado feminino o mundo se torna livre

Sim, porque o Feminino Sagrado, antes de mais nada, é selvagem. Tanto que para ilustrá-lo há muitas deusas selvagens, como por exemplo: Kali e Lilith, e demais deusas dos reinos e elementos da natureza das mitologias de todos os povos. Terá o selvagem realmente a conotação “selvagem” que damos para eles? Certamente que não, pois eles são, em muitos aspectos, muito mais civilizados e humanos do que nós. As culturas precisam ser libertadoras e não castradoras da nossa liberdade natural, divina e cósmica. Não é isso o que se verifica no nosso mundo civilizado. Devemos regredir e voltarmos a viver como selvagens? Não, é claro que não, mas podemos muito bem aprender – ou reaprender – com eles, com os povos originários, a nos harmonizarmos novamente com os ciclos femininos da mãe Natureza.

Libertando o sagrado feminino o mundo se torna livre

Em nossa arrogância intelectual nos vemos separados da natureza e, por conseguinte, precisamos dominá-la. “Santa” ignorância! Este comportamento nada mais é do que dar um tiro no próprio pé. No meu ponto de vista quem colaborou muito para nos distanciarmos da natureza – e de nós mesmos – foi a Santa Madre Igreja, que de santa não tem nada. A estratégia usada foi distanciar as pessoas da sua própria energia sexual. Assim, a nossa energia sexual, que é natureza pura, instinto puro, foi pervertida em sexualidade doentia. Transformaram a mulher (a Sacerdotisa iniciadora nos mistérios do sexo e do amor) em prisioneira e objeto sexual do homem. Quando uma massa crítica de mulheres se libertarem desse jugo milenar, libertarão a sua própria energia sexual, retornarão ao seu estado original de putas sagradas, serão novamente caçadoras… O mundo, então, se tornará livre.

Libertando o sagrado feminino o mundo se torna livre

O poliamor está aí, batendo na bunda… Ninguém é dono de ninguém. Podemos amar uma pessoa, duas pessoas, ou até mais… E podemos nos relacionar sexualmente com mais pessoas. Por que não? Afinal, o sexo não é uma brincadeira biológica? Desde que haja consenso entre as partes, atração e tesão, está valendo… para todas as identidades de gênero e orientações sexuais. Todos somos putos e putas sagrados. Assim, a traição e a infidelidade são eliminados naturalmente. A pluralidade de experiências sexuais e amorosas é enriquecedora para todas as pessoas. Desde que haja abertura, honestidade e autenticidade. Se torna doentia quando é feita às escondidas, reprimida por regras morais e religiosas… Esta é a razão de todas as perversões sexuais. O poliamor e os relacionamentos abertos são promíscuos? Posso dizer, com experiência própria, que não. Quanto mais liberdade se tem para os relacionamentos, mais nos tornamos seletivos, e essa seleção não vem da mente/ego, é algo natural, proveniente do tesão, do coração e da consciência.

Joel Munhoz (Olói)

Massagem Yoni Poder Feminino Cósmico Da Mulher

Tarô tântrico massagem yoni. A massagem tarotântrica mexe com todas as energias do ser. Desde as energias mais densas até as mais elevadas. Denso ou elevado, tudo é energia, nada deve ser desprezado, rechaçado, negado ou reprimido. Descrevi a massagem no lingam, no Shivalingam ou no homem como um todo. Hoje irei descrever a massagem na yoni, na shakti, na mulher como um todo. Durante uma sessão de massagem tarotântrica há uma grande celebração, uma cerimônia, uma oração, uma meditação. Massagista terapeuta e massageado (a) cliente interagem num nível de vibração diferente do nível de vibração da mente/ego.

Tarô tântrico massagem yoni regiões adormecidas despertando

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosA massagem tarotântrica ocorre num ambiente de supra consciência, ou seja, com a consciência expandida, além dos estreitos limites dos 5 sentidos físicos. Cada sentido físico se torna mais amplo, se expandindo para oitavas mais amplas do grande teclado cósmico. O sentido do tato, por exemplo, sentido fundamental na massagem, se amplia para percepções de toques cada vez mais sutis. Você vai percebendo sensações que antes você não percebia. Muitas regiões adormecidas do seu corpo vão despertando… Junto com o prazer também está a dor, pois um não vive sem o outro. Nosso corpo é vivo não só no sentido físico, mas também nos sentidos psíquico, emocional e espiritual. Normalmente as pessoas estão vivas somente fisicamente. Mentalmente, emocionalmente e espiritualmente permanecem mortas.

Tarô tântrico massagem yoni todo o ser mulher é yoni

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosA yoni (vagina e vulva) pode ser traduzida do sânscrito como espaço ou templo sagrado. Porém, ampliando mais a percepção, todo o ser da mulher é uma yoni. Assim, quando massageamos a mulher – todo o seu corpo – estamos massageando a yoni na cabeça, nos seios, nos braços, nas pernas, na barriga… e, quando chegamos de fato à yoni (vagina, vulva), estamos chegando ao sanctum sanctorum da Mãe Natureza onde se encontram os mitos de todas as deusas, especialmente de Kali, A Negra, a suprema deusa do tantra. Visualizemos um círculo imaginário no corpo da mulher com a vagina no centro. A periferia deste círculo é a parte superior das coxas, o baixo ventre, os quadris…

Tarô tântrico massagem yoni sensibilidade e consciência no pico

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosAdentrando um pouco mais, as virilhas, a parte interna das coxas… Um pouco mais, a vulva, os grandes lábios, o monte de Vênus, o púbis, o clitóris, o ponto G, a vagina… Este é o sanctum sanctorum da natureza que o (a) massagista tarotântrico (a) deverá tocar quando a sensibilidade e a consciência estiverem no seu pico. Quando massageada e massagista estiverem em perfeita harmonia e sincronia, nunca antes… Na sociedade patriarcal em que vivemos a mulher tem sido dominada na sua força ancestral, no seu poder feminino cósmico. Quem já ouviu falar de Feminino Ancestral, Sagrado Feminino, de Shakti, Shekinah, enfim, dos mitos de todas as deusas, pode compreender do que estou falando…

Tarô tântrico massagem yoni poder ancestral do sagrado feminino

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosA mulher está ganhando espaço na sociedade, as leis estão evoluindo para proteger os direitos das mulheres, mas, infelizmente, para lutar pelo seu espaço as mulheres precisam se tornar tão machistas quanto os homens machistas. Na massagem tarotântrica a mulher pode recuperar o seu poder ancestral do sagrado feminino. As suas feridas emocionais e sexuais (abusos e violências de toda ordem) podem ser curadas. Feridas essas que não dizem respeito a apenas uma vida, mas a todas as suas vidas pregressas. Está certo que em algumas das suas vidas anteriores a mulher de hoje pode ter sido homem, mas isso não anula o trabalho com o feminino ancestral. No frigir dos ovos, todos nós, homens e mulheres, quer sejamos machistas ou não, sofremos, e muito, por termos sido sabotados no nosso feminino ancestral. A sociedade profundamente desigual nos seus direitos básicos é o exemplo mais contundente disto.

Tarô tântrico massagem yoni sexualidade e sentimentos

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosA massagem na yoni (vulva e vagina) irá despertar sensações adormecidas, prazeres nunca antes sentidos e dores que estavam escondidas nos porões do inconsciente. A dor precisa vir à tona para que possa ser elaborada pela mente consciente e, finalmente transformada em luz. Isso tudo acontece numa única sessão de 1h 30m? É claro que não; são necessárias várias sessões para que a mulher vá recuperando a consciência sobre a sua sexualidade e os seus sentimentos. A massagem tarotântrica é uma profunda e ampla terapia corporal, sexual, sensual, psicológica, emocional, consciencial e espiritual. Desperta na mulher a sua capacidade de gozar intensamente, não somente no sentido genital apenas, mas no seu todo orgânico de mulher selvagem sagrada ancestral. Quando a mulher une o profano com o sagrado ela se torna de fato uma mulher inteira dona do seu corpo, dos seus pensamentos e sentimentos. Estará apta, portanto, a vivenciar o orgasmo cósmico.

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentosOBS.: Tarô tântrico massagem yoni é um texto escrito sob a inspiração do tantra arcano 10 De Copas sob a regência de Marte. 10 De Copas é a totalidade e intensidade de sentimentos. É a vivência dos sentimentos e emoções na sua plenitude. Tudo o que estava morto passa a ter vida novamente. Marte é o planeta da ação, da agressividade, da luta, do abrir caminho na vida. É o bom combate, é a luta que realmente vale a pena ser lutada. É a força cósmica do sexo e dos músculos ganhando uma energia extra. É a mulher poderosa, sentindo-se dona de si mesma.

No momento estou sem espaço, à procura de um… Estou atendendo, portanto, a domicílio.

Valor da sessão: $200,00.

Para maiores informações envie mensagem pelo contato ou através do celular whats app (Claro) 51 99836-5851.

Tarô tântrico massagem yoni consciência sobre sexualidade e sentimentos

Joel Munhoz Tarô Tântrico

(Elóy)