Todos Os Rituais Da Vida: Vida, Morte E Sexo

A Vida se manifesta num ritual constante e espontâneo. Tudo tem uma causa e nada acontece por acaso. Somos pequenas vidas inseridas no Todo da Grande Vida. Não tem nenhuma lógica as pequenas vidas terem objetivos diferentes da Grande Vida da qual são partes integrantes. Mas é isso o que realmente acontece quando estamos prisioneiros da tirania da mente/ego. O tantra arcano 12 O PENDURADO nos ensina a nos entregarmos totalmente para a Grande Vida, a Mãe Existência. Para isso acontecer é claro que precisamos rejeitar a “vida” artificial (fake) criada pela sociedade oriunda de um sistema matrix que mantém os seres humanos adormecidos para as verdadeiras realidades da Vida.

Todos os rituais da vida: vida, morte e sexo
Saiu na jogada mais os tantras arcanos:
– 6 de Copas: ritual da vida
– 7 de Copas: ritual da morte
– Rei de Copas: ritual do sexo

É interessante lembrar que a rendição total ao Universo não é coisa de gente fraca que não vendo mais nenhuma saída para as suas pequenas vidas resolve se render, se entregar. A rendição, a entrega, o deixar-se levar pela Vida verdadeira requer uma força e uma coragem descomunais. Lembremos que antes do tantra arcano 12 temos o tantra arcano 11 A Força. É isso mesmo, a Entrega vem depois da Força, ela somente é possível quando descobrimos que a nossa própria Força é a Força do Universo, do Divino, da Deusa, do Deus… Assim, quando estamos nos rendendo para o Divino estamos nos rendendo àquilo que somos de verdade. É quando eu me entrego para mim mesmo, é quando tu te entregas para ti mesmo.

Todos os rituais da vida: vida, morte e sexo

Aí não precisamos mais forçar nenhuma barra, podemos apenas nos deixar levar pelo ritual da Vida, da Morte e do Sexo que ocorrem naturalmente. Sim, Vida, Morte e Sexo têm tudo a ver, são interdependentes, se comem, se devoram, se retroalimentam… Quando tu entras profundamente na Vida, tu entras também na Morte e no Sexo. Viver de verdade é se arriscar a morrer. Quem não morre para o passado não pode viver no presente que é o único momento que temos. O Sexo é o motor da Vida. Negando-o tu estás também negando a Vida. Quando entramos profundamento no Sexo podemos conhecer a Vida e a Morte. Curtir o “durante” do Sexo, e não apenas o final, é curtir a Vida. O orgasmo, e não a ejaculação, é curtir a Morte. No orgasmo fluímos para fora da tirania da mente. Nesse momento somos um com o (a) parceiro (a) e com todo o Universo.

A Maior Aventura É Ser Você Mesmo – 17 A Estrela

Sabe quem é que passou por aqui? A ESTRELA, brilhante como nunca. Tantra arcano 17 A ESTRELA é um brilho só. Diz Aleister Crowley que cada ser humano é uma estrela. Concordo plenamente. Todos nós temos luz própria. Acontece que somos condicionados desde a mais tenra idade a imitarmos os outros ou seguir a luz dos outros. Há pessoas que se destacam na sociedade, justamente porque colocam os seus dons a serviço daquilo que a própria sociedade espera delas. Estas pessoas se tornam formadoras de opinião, autoridades neste ou naquele assunto. Aí alguém poderá opinar: as pessoas estudam, se formam nas universidades, se tornam especialistas, justamente para serem autoridades nas áreas a que se dedicaram.

A maior aventura é ser você mesmo - 17 a estrela

Sim… porém, na minha visão, isto em parte está certo e em parte está errado. Somos seres humanos, e não máquinas nem robôs. Não é porque sou especialista ou autoridade em algum assunto que posso exigir que todas as pessoas sigam estritamente o que estou recomendando. Somos livres para aceitar ou não. Além da mente somos alma, consciência, divindade. A mente, por mais conhecimento que possua, é apenas um grão de areia no infinito oceano da consciência. Precisamos do auxílio de um especialista, de um doutor, de um terapeuta, etc., em vários momentos da nossa vida, porém, em última análise, quem deve decidir o que deve ser feito somos nós. O especialista ou autoridade é apenas um auxiliar, um técnico que disponibiliza o seu conhecimento e a sua formação para efeitos profissionais e legais; não é, absolutamente um ditador.

A maior aventura é ser você mesmo - 17 a estrela

Na nossa sociedade mercantilista, consumista e competitiva ao extremo, somos ensinados a relegar a intuição a último plano. Precisamos ser racionais a qualquer preço. Acontece que a razão quando não está a serviço da consciência se torna apenas um ego imitador num extremo e arrogante no outro. Neste mundo às avessas a razão (mente/ego) comanda o coração e a consciência. A mente somente é brilhante (A Estrela) quando está a serviço da consciência. A consciência é a alma, é o divino presente no âmago de cada ser. Faça sempre a si mesmo a seguinte pergunta quando estiver em dúvida sobre a sua verdadeira luz: Sou Eu (consciência) quem está usando a minha mente (razão), ou é a minha mente quem está me usando? Sim, porque neste mundo de imitadores a maioria das pessoas não usa a mente, muito pelo contrário, a maioria das pessoas é usada pela mente.

A maior aventura é ser você mesmo - 17 a estrela

Cada ser humano é único. Não há ninguém superior nem inferior a ninguém. Não há porque ficarmos nos comparando com os outros. A comparação é a fonte de todas as preocupações. Você perde muita energia vital quando fica se comparando com os outros. Quando mandamos a comparação para “o raio que o parta”, nos tornamos leves e inteiros. A comparação faz com que imitemos a luz dos outros que, por sua vez, estão imitando a luz de outros e, esses outros, a luz de mais outros… num círculo vicioso que não tem fim. Sabe qual é um dos segredos da felicidade? Ser você mesmo. E você se torna você mesmo, assim… de repente? Não, é claro que não. Muito tempo e energia foram investidos em ser outra pessoa que você não é, por isso levará um certo tempo para você voltar a ser você mesmo. Mas o importante é começar. Um passo hoje, um passo amanhã, retornando para você mesmo… Isso é sensacional, é a maior aventura sobre a face da Terra, você descobrir a sua verdadeira face em meio a tantas máscaras que a sociedade obrigou você a usar e a pensar que essas máscaras eram você.