Setenta Por Cento Dos Nossos Pensamentos São De Origem Sexual

Saiu aqui o 8 de Copas na casa 4 (Câncer). Naipe de Copas é água. Casa 4 também é uma casa de água. Então é água por tudo que é lado hoje. Vamos nadar e mergulhar, só temos que ter cuidado para não nos afogarmos. Água é sentimento e emoção. O 8 é um número que representa equilíbrio, interação entre mundos ou equilíbrio entre os mais diversos mundos. É o tantra arcano 8 A Justiça. Assim, o 8 de Copas é A Justiça no nível ou naipe de Copas. Casa 4 são as coisas antigas, o passado, a ancestralidade, a família – pai e mãe. É as profundezas do ser, o teu lar espiritual. Também pode representar morte física e espiritual. É o afeto fluindo direto da fonte, por isso é a sensitividade e também dotes artísticos, a capacidade criativa fluindo…

Setenta por cento dos nossos pensamentos são de origem sexualComo você se sente agora? Está ruim? Está bom? Está pra baixo ou está fluindo alegre na superfície? Se você está pra baixo, se as coisas vão mal, seja em que área for da sua vida, já está mais do que na hora de começar a enfrentar os seus monstros interiores. Toda a nossa realidade exterior flui da nossa realidade interior. Mergulhe o mais profundo que você puder nos seus sentimentos negativos. Eles estão se apresentando para você para que você os conheça de perto. O autoconhecimento implica em que nos conheçamos em todos os níveis e dimensões de consciência. Mas tem um nível de consciência se apresentando mais forte aqui. É o nível considerado o mais denso: o nível sexual. Nosso corpo físico é constituído de aproximadamente 70% de água. Da mesma forma, cerca de 70% dos nossos pensamentos são de origem sexual.

Setenta por cento dos nossos pensamentos são de origem sexualA água é densa. A energia sexual é densa. Se não bebemos água pura, leve e alcalina na medida certa para o nosso organismo, ficaremos doentes. Muitas doenças acontecem porque o corpo se encontra desidratado. Da mesma forma precisamos dar atenção às nossas necessidades sexuais. Cada pessoa é única e deve procurar o seu próprio equilíbrio. Uns precisam de maior frequência de relações sexuais, outros um pouco menos… Biologicamente há 3 sexos: masculino, feminino e intersexual. Psicologicamente há tantos sexos ou identidades de gênero quanto há pessoas no mundo. Acho que a sigla LGBT+ pode abranger todos os gêneros existentes e imagináveis. Não fique preocupado (a) em se definir ou se rotular sexualmente. Circule pelas tribos que lhe despertam a atenção ou o desejo. Seja uma metamorfose ambulante. Lembre-se que por fora, externamente a nível de ego/personalidade, a mudança é constante, mas a nível interno a tua consciência espiritual é imutável.

Setenta por cento dos nossos pensamentos são de origem sexualQue as tuas mutações exteriores possam te levar a um mergulho cada vez mais fundo em você mesmo. Só assim está valendo, senão não passa de pura perda de tempo. Quando não bebemos água suficiente para hidratar as nossas células adoecemos fisicamente. Da mesma forma quando não movimentamos as águas paradas da sexualidade doente com as águas correntes do sexo saudável adoecemos psicologicamente; e isto pode somatizar em doenças físicas. Ademais pode impedir o nosso crescimento espiritual, a evolução da nossa consciência. A energia vital precisa circular em todos os níveis de consciência. Quando isto não acontece ficamos presos a pensamentos e desejos que sugam a nossa energia impedindo que nos elevemos a patamares mais elevados de consciência. Lembremos do que disse o mestre Jesus: “dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus.”Setenta por cento dos nossos pensamentos são de origem sexual

Joel Munhoz Tarô Tântrico

(Elóy)

Quanto Mais Sentimental Uma Pessoa Mais Prisioneira Do Ego

Tarô tântrico emoções e sentimentos. Uma vez assisti num programa de TV um cidadão – me parece que era professor de filosofia – explicando tim tim por tim tim como aconteciam os sentimentos no cérebro, ou melhor, as partes do cérebro responsáveis pelos sentimentos e emoções, e todas as suas reações bioquímicas… Era uma explicação muito inteligente. Ele afirmava que os sentimentos podem ser explicados e entendidos racionalmente. Sim, os sentimentos e emoções podem ser explicados racionalmente, como este cidadão tão bem explicou. Porém, fiquei me perguntando: será que ele, que explica tão bem os sentimentos e emoções, consegue também vivenciar tão bem os mesmos? Sim, porque da explicação à vivência já são outros quinhentos.

Tarô tântrico emoções e sentimentos diferenças corpo e mente

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémQuais são as diferenças entre emoções e sentimentos? No meu parecer, emoções dizem mais respeito ao corpo, e sentimentos dizem mais respeito à mente. As emoções são despertadas pelos estímulos externos do ambiente. Alguém lhe ameaça e isso pode despertar as emoções do medo e da raiva. É imediato. Você poderá discutir, proferir ofensas, lutar, fugir ou ficar quieto. A sua reação à emoção é o que se denomina sentimento. A sua cultura, a sua educação, a sua religião, a sua moral, os seus traumas, os seus recalques, enfim, toda a memória psicológica que se situa no seu inconsciente é que vai dar o tom da sua reação à emoção. Assim, as emoções são mais instintivas e os sentimentos são mais programados.

Tarô tântrico emoções e sentimentos racionalizados

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémPorém, podemos ir mais adiante na compreensão dos sentimentos e emoções. Eles acontecem em duas regiões do corpo: no coração e na cabeça. O coração, segundo pesquisadores, possui cerca de 40.000 neurônios. Ele é o centro da inteligência emocional e dos sentimentos puros que aqui se confundem com emoções. Por puros quero dizer que não foram contaminados pela mente. Não foram racionalizados ou interpretados segundo o programa mental que cada um carrega (ego). Aliás, programa mental que a pessoa confunde ser ela mesma, que julga ser a sua verdadeira identidade. A raiva brota do coração. Ao ser interpretada ou racionalizada pela mente se transforma em ódio. Observe uma criança com raiva. A raiva nela é pura. A criança ainda é só coração, o seu ego ainda não foi desenvolvido. A raiva, nela, não se transforma em ódio porque não é racionalizada. Assim como veio, logo a raiva passa, e a criança já está sorrindo e brincando novamente.

Tarô tântrico emoções e sentimentos tesão natural e tesão mental

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémE com o desejo sexual, como acontece? De repente você fica com um tesão danado por alguém. Bem, há um tesão que é próprio do corpo, do instinto, da biologia, e do coração (emoção); bem como há um tesão que é próprio da mente, do condicionamento social, das fantasias, dos desejos (sentimento). Se você é uma pessoa mais espontânea, o tesão natural, biológico (emoção) falará mais alto. Se você é uma pessoa mais condicionada, mais controlada, o tesão mental (sentimento) falará mais alto. O tesão biológico, natural, acontece e passa. Se a outra pessoa corresponde, tudo bem, a relação rola numa boa. Mas se a pessoa não corresponde, tudo bem também. O tesão, assim como veio, passa. É como o exemplo anterior da criança com raiva. A raiva passa logo sem se transformar em ódio.

Tarô tântrico emoções e sentimentos desejo obcecado pelo outro

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémNo caso do tesão mental é diferente. Se a outra pessoa objeto do desejo corresponde, os dois parceiros se tornam viciados um no outro, super dependentes um do outro para obterem prazer… Até que o poço do desejo seca e os dois se vêm maltrapilhos, esfarrapados e miseráveis um perante o outro. Se a pessoa objeto do desejo não corresponde, o sujeito pode se frustrar muito, se desapontar, se sentir diminuído na sua autoestima, se sentir menos homem, menos mulher… Ou pode se tornar cada vez mais obcecado pelo outro (objeto do seu desejo), e fazer de tudo para conquistar a pessoa desejada. Poderá, inclusive, lançar mão de métodos patológicos e violentos para conseguir o seu intento.

Tarô tântrico emoções e sentimentos não somos nem corpo nem mente

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémEmoção, portanto, é algo natural, faz parte da vida, da biologia e do centro do coração. Sentimento é algo mental, programado, é a educação que nos foi dada para reagirmos às mais diferentes emoções. E quando o sentimento se torna muito racionalizado – muito ruminado pela mente – ele vira sentimentalismo, que é uma hiper valorização dos sentimentos, sejam eles bons ou ruins… Quanto mais sentimental é uma pessoa mais prisioneira ela é do seu ego. O tantra nos ensina a ir além. Ir além do corpo e ir além da mente. Afinal, como consciência divina que somos, temos um corpo e uma mente, mas não somos nem o corpo nem a mente. No entanto, nem por isso lutamos contra a mente e contra o corpo, nem reprimimos o corpo nem a mente. Apenas cuidamos deles para que permaneçam em boas condições a fim de serem um veículo apropriado à nossa consciência espiritual, à nossa alma.

Tarô tântrico emoções e sentimentos uma pausa na mente

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémO tantra arcano que serve de inspiração ao presente texto é o 4 de Espadas. Esta carta saiu na mandala astro cabalística tarotântrica na casa 6 (energia de Virgem). 4 de Espadas é uma carta do Imperador (arcano 4) no naipe de Espadas (ar, intelecto, mente, pensamentos). É o desejo do ego de manter as coisas como estão. Mas, por outro lado, num sentido mais positivo e libertador, o 4 de Espadas é um “para-ti quieto”, uma pausa na mente que não para de pensar, de elucubrar, de analisar, de julgar, de interpretar… Chega! Basta! Desliga a mente da tomada! Ah, como é bom ficar vazio de pensamentos engendrados pelas emoções e pelos sentimentos. A casa 6 diz respeito – entre outras coisas – à rotina diária, aos trabalhos domésticos, aos serviços mais simples, à saúde física…

Tarô tântrico emoções e sentimentos viva o sonho da forma mais acordada

Tarô tântrico emoções e sentimentos o tantra nos ensina a ir alémAssim, fica leve novamente, muda a rotina da repetição de comportamento! Como? Nada de esforço… O esforço para mudar apenas reforça o ego. O que impede que você mude ou seja transformado é justamente a vontade de mudar. Abandone todo o esforço de mudar e relaxe no momento presente. Não perca mais tempo tentando mudar a mente/ego (personalidade). O ego é assim mesmo, a sua natureza é a doença. Deixe-o de lado. Pare de focar a atenção nele o tempo todo. Pare de lhe dar combustível. Apenas mantenha-se atento (a) recordando o mais que puder que você não é a mente nem o corpo. Você é pura consciência cósmica divina que se manifesta no plano terreno como corpo/mente. Apenas isso. O corpo/mente é apenas a manifestação física da sua essência divina que é o seu verdadeiro ser. Aceite o seu corpo, aceite a sua mente, aceite os seus defeitos e as suas qualidades. Viva o sonho, viva a ilusão (maya), mas da forma mais acordada possível, com uma grande consciência presente.

Joel Munhoz Tarô Tântrico

(Elóy)

 

Muitos Egos Dentro De Você Em Conflito Uns Com Os Outros

Tarô tântrico muitos egos na mente. Olá, 7 de Copas chegando… O cara saiu na casa 4 (Câncer). Está banhado pela energia canceriana. Vamos entrar dentro dele, devassar as suas entranhas… Ou, numa versão mais feminina, permitir que ele penetre até o mais profundo do nosso ser. Uma coisa é ser Shiva, outra coisa é ser Shakti, porém, as duas se complementam, uma energia não existe sem a outra. O tantra arcano 7 de Copas tem uma energia predominante masculina (Shiva/yang). O número 7 é masculino, uma energia de ação. Ele é um conquistador, vai em busca de novas aventuras que mexam e remexam com as suas emoções, os seus sentimentos. Quer viver tudo o que for possível para saciar os seus desejos. Perceberá, no final, que os desejos são insaciáveis. Porém, reprimir os desejos também é um mau negócio. O tantra nesse arcano nos ensina a vivenciar os desejos de uma forma consciente.

Tarô tântrico muitos egos na mente 4ª casa altamente sensível adora o passado

Já por sua vez a energia de Câncer (4ª casa) está mais para o feminino do que para o masculino. Câncer é a casa, é o lar. Vontade de ficar quieto, sossegado, curtindo a família. Tem uma energia muito maternal, nutritiva, afetuosa. Adora o passado, gosta de remoer fatos passados; lembranças, na maioria das vezes não tão boas assim… Se ressente e se magoa com facilidade. Dotado de uma afetividade muito grande que nem sempre consegue demonstrar. Se comove com facilidade – chorão, chorona… É altamente sensível, consegue facilmente se colocar no lugar dos sofredores. Pode expressar essa sensibilidade à flor da pele através da arte.

Tarô tântrico muitos egos na mente em conflito uns com os outros

Tarô tântrico muitos egos na mente em conflito uns com os outrosBueno, juntando essas duas peças – 7 de Copas e 4ª casa – temos aí uma parafernália de emoções, sentimentos, dramas, e muitos atores a representar e sentir todos esses dramas e sentimentos. Muitos rostos, muitas máscaras, muitas personalidades, muitos egos agitam a sua mente. Num momento você tem um impulso, noutro momento você tem outro. Num momento você quer ser uma coisa, noutro momento você quer ser outra coisa. Você sente que você é uma variedade enorme de seres, de eus, de egos… E na realidade é. E o pior… Muitos desses egos dentro de você estão em conflito uns com os outros. Assim, dentro de você agitam-se grandes batalhas navais em mares bravios.

Tarô tântrico muitos egos na mente vidas anteriores masmorras do inconsciente

Esse conflito acontece num momento em que a sua busca espiritual se torna intensa. Você poderá até nem estar envolvido numa busca espiritual objetiva, mas o fato é que você buscou muito em vidas anteriores. A energia canceriana também tem a ver com vidas anteriores ou o ciclo de mortes e renascimentos, desencarnes e reencarnações. Na vida atual, então, todos esses egos ou personalidades de encarnações passadas querem se expressar novamente. Isso é representado na carta 7 de Copas como essas 7 personalidades, máscaras ou situações. Mas por que isso? Porque a busca mexe com quem está quieto. A busca leva luz às masmorras escuras do inconsciente.

Tarô tântrico muitos egos na mente sentimentos reprimidos situações mal resolvidas

Tarô tântrico muitos egos na mente em conflito uns com os outrosNas suas vidas anteriores muitos sentimentos foram reprimidos, situações não foram vivenciadas como deveriam ser. Você interagiu com muitas pessoas, amou, odiou, se magoou e magoou, foi violento, assassinou, foi assassinado, ocupou várias posições sociais e econômicas, exerceu variadas profissões, foi homem, foi mulher; enfim, muitas situações ficaram mal resolvidas, pendentes… Assim, na vida atual, elas precisam ser vivenciadas novamente – até esgotarem-se por completo. Mas isso é impossível… Até um certo ponto sim, até um certo ponto não…

Tarô tântrico muitos egos na mente personalidades anteriores buscam se expressar

Na sexualidade, então, isso se torna muito intenso… E mais sofrido também porque ainda vivemos sob muitos tabus. As orientações sexuais vão mudando ao longo da vida. Tanto para o homem quanto para a mulher. Você é muitos (as) internamente. Afinal, são várias personalidades de vidas anteriores que buscam se expressar novamente. Sente os mais variados desejos e as mais variadas fantasias, tanto hetero quanto homo. Transita por muitas e muitas identidades de gênero, mas não consegue se definir por nenhuma. Ao longo de uma vida você pode sentir que está vivendo várias vidas. As personalidades vão mudando ao longo das várias faixas etárias.

Tarô tântrico muitos egos na mente aceitação o maior aprendizado

Tarô tântrico muitos egos na mente em conflito uns com os outrosComo lidar com isso? Em primeiro lugar aceitar-se. A aceitação é o maior aprendizado no caminho do tantra. Não é fácil, mas é necessário. Lutar contra para abafar essas vozes interiores é lutar contra si mesmo. E se você luta contra você mesmo o fim é trágico. Você morrerá infeliz. Em vez de lutar contra, de se controlar ou se reprimir você precisa fazer um trabalho de constante aceitação de si mesmo; você pode se trabalhar sozinho (a) ou com a ajuda de um terapeuta que conheça profundamente esse tema. No tantra a aceitação é fundamental. Lembrando que a aceitação é todo o caminho para a aceitação. É um processo, passo a passo.

Tarô tântrico muitos egos na mente autoexpressão de sentimentos e fantasias sexuais

Lanço mão, no meu trabalho terapêutico, de várias técnicas de meditação – ativas e passivas – que estimulam a aceitação de si mesmo. Dentre elas estão a bioenergética tarotântrica e a massagem tarotântrica, duas poderosas ferramentas que trabalham a autoexpressão de sentimentos e de fantasias sexuais. No ambiente seguro e privativo do espaço terapêutico você pode dar vazão às várias personalidades que agitam o seu mundo interior. Você faz um psicodrama ao mesmo tempo em que joga fora o lixo emocional e psicológico – com consciência. Ficar louco com consciência é de vital importância para não se enlouquecer de verdade.

Tarô tântrico muitos egos na mente o animal uma força na sua vida

Tarô tântrico muitos egos na mente em conflito uns com os outrosA abordagem terapêutica do Tarô Tântrico vai transformando a fera num animal domesticado. O que era, antes, um monstro, vai se transformando num animal de estimação – um gato, um cachorro, um cavalo… (metaforicamente falando). Você não se livra do animal; até porque se livrar do animal é morrer. O animal é o que nos mantém vivos no sentido biológico e instintivo. A diferença é que antes você tinha medo do animal. Ele controlava você. Agora você fez as pazes com ele. Você, então, pode controlá-lo. Ele se torna uma força (tantra arcano 11 A Força) na sua vida e não mais um obstáculo.

– Se gostou do texto pode curtir, compartilhar nas redes sociais, com amigos… Você estará ajudando o blog a crescer. Fico muito grato.

Joel Munhoz Tarô Tântrico

(Elóy)

 

Identidade De Gênero Sexo Biológico Sexualidade Prazer Amor

Tarô tântrico identidade de gênero. Tenho visto e lido nas redes sociais postagens sobre ideologia de gênero. Vejo que tem muita gente que senta o pau na ideologia de gênero, principalmente gente que se diz de direita. Ainda não tive tempo de pesquisar a fundo sobre a referida ideologia, o pensamento de quem a criou, etc. Portanto, por enquanto não posso me posicionar nem contra nem a favor… Particularmente, não sou apegado a nenhuma ideologia, seja ela mais libertária ou mais conservadora. Nem tampouco me defino como de direita ou de esquerda no que se refere a posição política. Sou um ser em constante mutação, em crescimento. No momento em que me defino eu estaciono, congelo. Prefiro ser como a água no estado líquido, sempre fluindo, tomando a forma dos mais diferentes recipientes sem, portanto, perder a sua essência.

Tarô tântrico identidade de gênero no que se refere à expressão sexual

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosPelo que eu tenho observado na prática dos meus atendimentos trabalhando com a sexualidade, todas as pessoas são únicas no que se refere à sua expressão sexual. E, também – e principalmente – no que se refere à sua não expressão sexual, pois a maioria ainda não consegue expressar toda a pujança sexual que vai dentro do seu íntimo. Por que acontece isso? Porque existem padrões de comportamento sexual ditados pela sociedade que todos têm que seguir. Mas, às escondidas… Às escondidas o bicho come solto. Isto é, nem tão solto porque tem muitos que fazem, mas se sentem culpados depois. Os que não têm coragem para fazer às escondidas continuam reprimidos e com vontade de fazer.

Tarô tântrico identidade de gênero longe de uma liberdade de fato

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosAssim, todo mundo é infeliz. Os que transgridem as regras sociais, morais, religiosas, se sentem culpados depois, os que não transgridem permanecem reprimidos. É claro que quem tem poder econômico – e é homem – pode fazer e acontecer. As mulheres sempre foram mais reprimidas, mas estão se libertando e reivindicando para si o direito ao prazer sexual. Porém, estamos ainda longe de uma liberdade (de fato) no que diz respeito ao sexo. A liberdade que experimentamos hoje em dia é uma liberdade apenas de fachada. Os corpos estão mais nus, mas, psicologicamente, as pessoas continuam ainda presas aos velhos padrões medievais machistas patriarcais. Usam o sexo não para terem prazer, mas para exercerem poder uns sobre os outros.

Tarô tântrico identidade de gênero sexo biológico e sexualidade

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosCada pessoa é um mundo totalmente diferente em todos os sentidos, e isso também no âmbito sexual. Biologicamente existem três gêneros sexuais: masculino, feminino e intersexual. Sexo biológico é uma coisa e sexualidade é outra. A sexualidade é uma construção social que afeta cada pessoa de maneiras diferentes levando-se em consideração as peculiaridades de cada um como: local onde nasceu, família, condições materiais, nível econômico, classe social, etnia, religião, escolaridade, etc. Some-se a isso a carga (karma) que o indivíduo traz de vidas anteriores. Há tantos traumas e recalques que carregamos de tantas e tantas vidas, pois a História humana é pródiga em sofrimento muito mais do que em prazer, felicidade e amor.

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosCada pessoa, portanto, é o somatório de tudo o que passou e viveu. A memória psicológica subconsciente e inconsciente é o que determina o seu comportamento sexual no presente. Somente deixa de ser assim quando o sujeito atinge a iluminação, mas, enquanto essa suprema realização espiritual não acontece, a pessoa ainda está sujeita às influências inconscientes da sua memória psicológica (ego). Assim, no que se refere à sexualidade, cada pessoa é única no seu gênero. Não existem dois indivíduos iguais no que se refere a gênero sexual, ou melhor, a identidade de gênero. E a identidade de gênero também vai além da orientação sexual do indivíduo. Nem todos os gays são da mesma identidade de gênero, nem todos os heteros são da mesma identidade de gênero, nem todos os bissexuais são da mesma identidade de gênero.

Tarô tântrico identidade de gênero ao longo da vida a sexualidade vai mudando

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosCada pessoa é única na sua identidade de gênero, independente de ser homem, mulher, intersexual, homo, hetero ou bissexual. Cada pessoa é única nos seus desejos, nas suas fantasias, nas suas necessidades e compulsões sexuais, na sua saúde e na sua doença. Ao longo da vida a sexualidade vai mudando.  Quando se menos espera alguns desejos diferentes vão surgindo, ou alguns desejos que eram incipientes na adolescência e juventude vão ganhando força à medida que a pessoa vai entrando na maturidade e na velhice. Nada mais natural do que isso. Mas isso assusta, principalmente as pessoas que foram mais condicionadas, mais moldadas pela sociedade. Deixe fluir porque se você não deixar fluir a energia sexual (que é vida física e espiritual) vai ter que sair por outros canais e aí ela se torna pervertida, portanto, destrutiva a si mesmo e aos outros.

Tarô tântrico identidade de gênero terapias de abordagem tântrica

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosDaí a importância do tantra nos dias de hoje. Terapias de abordagem tântrica podem ajudar tremendamente as pessoas, dessa nova era aquariana de transparência e verdade, a se aceitarem como são nos seus mais diversos períodos de vida. Não tem nada mais sofrido do que o indivíduo ter que lutar contra a sua identidade de gênero só para se adequar ao padrão de sexualidade que recebeu da sociedade. Não tem nada mais libertador do que o indivíduo se aceitar como realmente é. Ser fiel à sua própria identidade de gênero se torna de uma ajuda extraordinária num caminho de autoconhecimento genuíno.

Tarô tântrico identidade de gênero aceite a sua forma

Tarô tântrico identidade de gênero cada pessoa é única nos seus desejosPost escrito sob a inspiração do tantra arcano Ás De Paus na casa 12 (Peixes). Ás De Paus é a unidade ou essência divina que se diversifica em miríades de formas diferentes no mundo da forma, da manifestação física. Aceite a sua forma para que você possa também aceitar a sua essência. Às vezes, por exemplo, a forma física que temos não é nossa forma física de verdade. Então, por que não mudá-la através da alimentação saudável e de exercícios? Porém, você pode mudar até um certo ponto, pois precisa respeitar a estrutura física básica que a natureza te deu. Quando violentamos a natureza pagamos um preço caro por isso. Se você nasceu com um pênis e faz uma cirurgia para extrair o pênis você está violentando a sua natureza básica. Se você nasceu com seios e faz uma cirurgia para extrair os seios você está violentando a sua natureza básica. Lembre-se: a nossa missão aqui é trabalhar em harmonia com a natureza. Podemos melhorar a natureza, torná-la mais viva, mais alegre, mais encantadora. Porém, não temos o direito de agredir, violentar e deturpar a natureza. Na casa 12 essa sensibilidade é muito fina. Há uma linha muito tênue que separa a saúde da doença, a iluminação da loucura. Namastê!

Joel Munhoz Tarô Tântrico

(Elóy)

 

Deixe Que A Deusa Kali Tome Conta Do Seu Passado

Os céus estão distantes para você? Entenda-se por céus o bem-estar, a liberdade, o prazer de viver.  Lembrando também que não estou falando aqui de céu físico, mas de céu interior. O céu, a terra, o inferno, a amplidão do espaço, o bem-estar, a dor, a alegria, a tristeza, todos esses espaços e dimensões infinitas estão dentro de você. Respire fundo. Está conseguindo? Sua inspiração está realmente indo fundo ou ainda está meia boca? Solte o ar antigo pra fora. Isso, solte pela boca. Sopre com força. Livre-se de tudo o que é velho. Livre-se do passado. Sopre com força para bem longe. Deixe que a Deusa Kali tome conta do seu passado. Já viu a deusa Kali? A suprema deusa do tantra? É essa mesma, com muitos braços e uma expressão furiosa no olhar. A sua fúria é plena de compaixão, pois ela é senhora do tempo. Ela destrói e transforma o seu passado para trazer a sua atenção para o presente, único momento em que a Vida acontece de verdade.

Vamos compreender um pouco mais esta coisa de passado. Todo mundo tem um passado, certo? Tem um aspecto do passado que é bom. O passado relacionado à memória factual ou física. Este é bom. Já imaginou se você não lembrasse o seu nome, o seu endereço, o conhecimento necessário para a prática do seu trabalho ou ofício, o nome do (a) seu (a) esposo (a), não lembrasse dos seus pais, dos seus filhos, dos políticos que só fizeram merda com os seus mandatos e não merecem mais o seu voto? Ou as ações que você tomou e não deram certo? A experiência nas mais diversas áreas da vida é que nos permite ir burilando a nossa habilidade e nos tornando mais maduros. Esse passado é bom, é útil. Uma pessoa que é acometida de amnésia fica em maus lençóis certamente. Precisará da ajuda de terceiros para poder se mover na sociedade.

Livre-se do passado relacionado à memória psicológica

Mas tem outro aspecto do passado que é uma droga. É o que está relacionado à memória psicológica. É a interpretação ou racionalização da sua mente em relação às mais diversas situações que você viveu. Um trauma, por exemplo: você passou por uma situação difícil, frustrante, decepcionante, desagradável, que causou muita dor. Você não consegue esquecer isso. Ou, às vezes, a situação é tão traumática que a pessoa esquece totalmente. Esse esquecimento é necessário para ela poder prosseguir na vida. Mas isso não significa que o trauma não esteja bem estabelecido a nível inconsciente. Trabalho com regressão terapêutica e isso é um fato muito comum. Submetida a um trabalho de regressão a pessoa lembra de fatos que não sabia – a nível consciente – terem acontecido com ela. E esse trauma inconsciente fica dominando a vida da pessoa, fica ditando o que ela deve fazer ou não. É o que denominamos de comportamento inconsciente ou automático. Você reage da mesma maneira a determinados tipos de situações.

Livre-se do passado receba o presente

Esse tipo de passado é muito nocivo e está sempre se imiscuindo no presente, aliás, não deixa você viver o presente onde tudo é novo e fresco como o orvalho da manhã. Você não precisa carregar esse passado. É um fardo muito grande que drena a sua energia vital. Podemos nos livrar do passado em qualquer momento. Não há necessidade de nos retirarmos para algum lugar isolado ou ficarmos numa posição específica. Isso também é bom, mas não podemos esperar por um momento ideal para exercitarmos o desapego. Se você puder, ok, faça alguma técnica de meditação que melhor se adapte ao seu jeito de ser. Mas, em outros momentos, você também pode exercitar o deixar ir.

Sempre que você tomar consciência de que algum fato passado o está perturbando, inspire e viva isso profundamente. Então expire e solte para a deusa Kali. Essa prática pode ser feita em segundos, no trânsito, numa fila, no ônibus, no avião, em casa, no trabalho, num ambiente social, etc. Inspire e vivencie a preocupação do passado profundamente. Expire e solte para a deusa Kali. Sinta que a deusa Kali está aí ao seu lado pegando o seu passado, o devorando e o transformando em presente. Receba o presente das muitas mãos da deusa Mãe e diga mentalmente: eu me perdoo. Só você pode se perdoar, ninguém mais pode fazer isso por você. Seja grato à deusa Mãe ao receber o presente das suas mãos. A Vida é um presente que ganhamos apenas estando no presente.

  • Texto escrito sob a inspiração do tantra arcano 13 A MORTE.

Livre-se do passado receba o presente

Joel Munhoz Tarô Tântrico