Como Usar O Desejo Sexual Para Meditar

Olá, galera do tarô tântrico! A quantas anda o teu desejo sexual em relação à meditação? Te atrapalha muito para meditar? Lembrando que meditar não é só sentar em posição de lótus e ficar entoando mantras ou ser guiado por algum aplicativo mestre em meditação… Aliás, estes exemplos que acabei de citar não têm muito a ver com meditação. Meditação é estado de presença no aqui e agora. Sempre que isso acontece, é meditação. Assim, podemos meditar a qualquer momento do dia, em quaisquer atividades, desde as mais prazerosas até as mais dolorosas. Podemos meditar na dor, na doença, e podemos meditar no amor e na foda. Nosso maior vício é pensar. Segundo os pesquisadores, a maioria dos nossos pensamentos é sobre sexo. Daí se conclui a força da energia sexual.

Como usar o desejo sexual para meditar
Não há nada mais espiritual do que o sexual. Todas as formas de prazer são válidas desde que se tome os devidos cuidados, que seja consensual, e que se tenha a consciência do poder e da sacralidade do ato. O que torna algo puro ou impuro é a nossa maneira de olhar.

Sim, a energia sexual é poderosíssima, acho que todos que lerem este modesto texto irão concordar. Sendo tão poderosa assim, os controladores do mundo deram um jeito de demonizar o prazer sexual, através dos seus santos e das religiões organizadas. Como ainda é uma energia reprimida na maioria das pessoas – mesmo em muitas que acham que não são reprimidas – acaba gerando pensamentos e sentimentos sobre… Tudo o que é reprimido se torna mais forte. Para nos mantermos presentes no aqui e agora, precisamos observar os pensamentos e sentimentos. Um pensamento sexual leva a um sentimento sexual. Como proceder para não se deixar dominar por ele? Tudo é uma questão de equilíbrio e cada um tem o seu. Dá uma espiada no vídeo abaixo que tem umas dicas bem legais.

Se gostares do vídeo deixa o teu like porque ele é precioso para o nosso canal ser divulgado pelo youtube. Aproveita e já se inscreve (no youtube) se não estás inscrito (a). Valeu, queridos!

De Magias E Orgasmos

A magia da Vida é poderosa. Sim, não há magia mais poderosa do que a magia da Vida, e esta magia está disponível para nós – sempre – no aqui e agora. Normalmente as pessoas buscam sucesso e realizações pessoais no futuro, sem perceberem que a verdadeira felicidade só é possível no aqui e agora. O aqui e agora é o portal dos portais. Queres acessar portais quânticos, extra, inter e ultradimensionais? Vidas passadas, paralelas, multiversos, seres alienígenas evoluídos? Só há um portal que dá acesso a todas essas dimensões: o portal do aqui e agora. Sem passar por essa “porta estreita”, nas palavras do mestre Jesus, não tem como, nem com reza braba, que nos faça adentrar esses tantos outros portais. São tantos portais… pela vida afora…! Há portais pra dentro e há portais pra fora.

De magias e orgasmos

Um dos portais para uma dimensão superior e mais ampliada de consciência é o sexo. Um portal poderoso. O tantra trata muito bem disso, mas a mente é tão danada que deu um jeito de passar a perna no tantra. O que tem de tântricos por aí anunciando massagens que fazem a mulher ter multiorgasmos e o homem gozar pra dentro (orgasmos secos), não está no gibi. Tudo bem, cada um se vira como pode, e tem mercado para tudo e para todos. Não sou o dono da verdade, até porque tenho cá as minhas falhas, mas quero refletir contigo sobre este tema tão delicado e importante. Ora, o tantra é sobre o todo, não é só sobre o sexo. E quando o tantra aborda o sexo não é o sexo separado do todo porque o sexo só se torna uma energia construtiva e criativa nas nossas vidas quando faz parte de um todo orgânico.

De magias e orgasmos

O tantra não se trata de um método mecânico só para fazer as pessoas gozarem ou terem orgasmos fantásticos. Mas, afinal o que é um orgasmo? Para começo de conversa ejaculação não é orgasmo, é apenas uma descarga de tensão localizada nos genitais masculinos. E orgasmo pra dentro, gozo sem ejaculação, como é esse negócio? Se for algo forçado não tem nenhum valor. Mas se for algo que é fruto de uma prática gradativa, passo a passo, com equilíbrio, aí sim tem o seu valor na expansão da consciência. Falo disso noutro post sobre masturbação masculina. Cada pessoa, cada ser, são únicos. O que funciona para um pode não funcionar para outro. Na massagem tarotântrica cada cliente é tratado de forma única e diferenciada. Sei de muitas técnicas para ajudar o homem e a mulher a terem uma vida sexual mais plena e saudável, mas a terapia e a cura não dependem só do terapeuta.

De magias e orgasmos

Há muitas variáveis que devem ser levadas em conta. Uma delas é que só a técnica não cura. Para curar, a técnica deve estar a serviço do amor, da compaixão, da sensibilidade, da empatia. Em outras palavras, a técnica tem que ter alma e coração. Não me coloco acima do (a) cliente, durante a terapia, como alguém que sabe mais. Posso saber mais sobre algumas coisas, porém o (a) cliente pode saber mais do que eu sobre outras coisas. Somos duas almas, duas consciências, interagindo. Me permito ser um canal do Divino, aprendo sempre um pouco mais com cada cliente, ao mesmo tempo em que transmito o que sei respeitando sempre os limites de cada um. Outro detalhe importante diz respeito à resistência egoica do (a) cliente, o que é algo natural. Até que ponto o (a) cliente quer ser curado?

De magias e orgasmos

Todas as terapias tarotântricas destinam-se à ampliação da consciência, a trazer a pessoa mais para o aqui e agora. Assim também é com a terapia sexual. A cura, de verdade, não é só do sexo. A cura diz respeito ao ser como um todo. O sexo não é algo separado no corpo. Ele diz respeito a todo o corpo físico, ao corpo psíquico e ao corpo espiritual. A energia sexual vibra em cada célula do corpo. Nos corpos mais sutis ela é energia espiritual; não há separação entre energia sexual e energia espiritual. Quando se cura uma cura-se também a outra. É impossível, para alguém, ser curado sexualmente e permanecer doente espiritualmente. Assim se compreende cada vez mais a verdadeira magia da Vida representada pelo tantra arcano 1 O MAGO.

De magias e orgasmos
Tantra arcano 1 O MAGO. A prontidão para responder ao aqui e agora. A magia da Vida acontece a todo momento, basta estarmos no fluxo, em harmonia com ela.

Magia é estar no fluxo da Vida, não há como ser um milagre se estivermos indo contra a corrente natural da Vida. Assim também é com o sexo. Todas as disfunções sexuais têm uma única causa: a resistência à Vida que se manifesta no aqui e agora. Gozar de verdade, de corpo, mente e espírito, só é possível a quem já está liberto do passado e do futuro. O gozo sexual verdadeiro, que chamamos de orgasmo, só é possível através da entrega. A mulher que não goza tem medo da entrega; o homem que tem ejaculação precoce também tem medo da entrega. Quem não consegue se entregar tem uma grande resistência ao aqui e agora. A terapia tarotântrica trabalha a partir deste ponto: a entrega, a rendição ao aqui e agora. Assim, quando alguém consegue sentir um orgasmo total de corpo inteiro, ele também levará a consciência libertadora deste orgasmo a todas as áreas da sua vida.

A Vida É Uma Pura Puta Abundância

A vida é abundância pura. Que nome gostoso este, né… a-bunda-ncia! Delícia pura, quem não gosta? Pois é, podemos nascer num ambiente miserável, num ambiente pobre, num ambiente remediado, num ambiente rico… porém, independente de qual seja esse ambiente, a Vida, na sua manifestação na natureza, é pura abundância. É uma puta abundância. Olha para a mãe Natureza. Tudo abunda. Se o terreno é fértil, tudo o que se planta dá… em abundância. As matas e florestas são majestosas; uma árvore, ao longo da sua puta vida longa abundante, desperdiça trilhões de sementes para vingar somente algumas dessas sementes abundantes. Sim, a grande maioria das sementes é decomposta no solo, somente algumas conseguem germinar e se tornar outras árvores. Mas mesmo essas poucas plantas que se tornam árvores já são sinônimo de uma puta mega abundância.

A vida é uma pura puta abundância

Tudo na natureza á abundante. As pedras, os minérios, as montanhas, os campos, os oceanos, os rios, os vales, até os desertos são abundantes… Há abundância na superfície, no subsolo e nos ares. A abundância deita e rola na flora e na fauna terrestres. Todos os reinos da natureza manifestam a abundância: mineral, vegetal, animal e hominal. Opa, tem um reino desses aí que deu um jeito de sabotar a abundância natural. É o tal do reino hominal. O homem, que se gaba de ser o único animal racional, sabotou a abundância natural. E o tal homem é muito fixado em bunda. Interessante, né… Será que é uma compensação por ter reprimido a a-bunda-ncia da mãe e mulher Natureza? A Deusa criou o homem, e o homem criou o sistema econômico ou financeiro.

A vida é uma pura puta abundância

Criou até um curso superior que se chama Economia. O nome já diz tudo: economia. Em outras palavras, contenção, restrição, limitação, controle, racionamento, redução, escassez… O que a natureza esbanja, o tal do sistema financeiro baseado na economia, restringe. A vida no planeta Terra é riqueza pura, mas o sistema econômico internacional transformou a maioria da população humana em pessoas pobres. Somos educados, desde pequeninos, a poupar, a segurar o dinheiro, até porque para ganhá-lo, tem que se ralar muito, tem que se suar muito a camiseta. Esta “educação” é para a maioria da população, é claro, porque para uma minoria privilegiada do topo da pirâmide social, a situação é outra. Os dominadores do mundo, criadores do atual sistema financeiro, podem esbanjar à vontade, pois a grande massa da população está condicionada a trabalhar e a produzir para eles.

A vida é uma pura puta abundância
A Sacerdotisa nos guia na descoberta dos mistérios da abundância da mãe Natureza

A virada de mesa, ou a grande revolução, só pode acontecer dentro de cada um de nós através da verdadeira educação. Vou dar aqui o meu ponto de vista sobre educação. Não sou o dono da verdade, mas é como eu percebo a educação. Independente da sua etimologia, educação, para mim, não é só expansão do intelecto ou cultura, pela aquisição de conhecimentos, mas também mergulhar dentro de si mesmo e perceber o potencial intrínseco do seu ser. Quando conhecemos o nosso potencial, aí então, podemos buscar ferramentas que nos auxiliem a trazê-lo para fora. O tantra arcano 2 A SACERDOTISA fala sobre isto. Ela é o ventre da mãe Existência onde podemos gestar o nosso potencial. É como a gestação materna. Cada um de nós tem o direito e o dever cósmicos de sermos a nossa própria mãe espiritual.

A vida é uma pura puta abundância

Buscar informações fora, pesquisar fora (fora das caixas padronizadas do sistema) é importante, mas também igualmente importante é descobrir a si mesmo no mais recôndito do seu ser. Isso só pode ser feito através da autoinvestigação que é o autoconhecimento pela meditação. A pesquisa interna é como descascar uma cebola. A cada casca tirada, mais próximo tu estás do teu verdadeiro ser. Tu podes ainda não saber quem tu és, de fato mas, a cada casca descascada, tu estás mais perto da tua essência. Se estivermos atentos ao momento presente, podemos perceber que aquilo que é, é… Assim, aquilo que eu eu sou agora é o que eu posso ser agora, e isso é um fato para mim. Quanto mais conhecemos fora e mais nos conhecemos por dentro, mais podemos nos libertar do condicionamento de escassez e mais abrimos as portas do nosso ser à abundância da Vida. Afinal, somos seres divinos em essência e merecemos viver com abundância em todos os sentidos.